Nossa História

Histórico da Paróquia

Matriz de Santa Rita de Cássia é uma das principais igrejas católicas de Búzios, destaca-se pelo carisma do pároco e também pelo estilo simples e pitoresco, lembrando igrejas coloniais do século 16 e 17. Como segunda atração, em seu pátio frontal e abriga no mesmo terreno a Capela de Nossa Senhora Desatadora de Nós.

História da Igreja de Santa Rita

A Igreja de Santa Rita de Cássia em Búzios era inicialmente uma pequena capela construída em 1968 e passou por uma reforma em 1992 quando teve as laterais, a torre e a frente alterada. Em 1997 for elevada à Matriz da Paróquia de Sant´Anna e Santa Rita de Cássia. Em 2003 teve seu tamanho original duplicado.

Aparência e arquitetura da Igreja

A Igreja não tem um estilo definido, entretanto sua fachada parece inspirada na arquitetura austera e sem ornamentos do século 16 e 17, talvez com alguma alusão em termos de formas ao que poderia ser chamado de Renascimento Tardio.

As laterais da igreja também mimetizam uma arquitetura colonial rustica, e seu interior tem madeiramento aparente, como em igrejas dos primórdios da colonização portuguesa, mas com treliças de madeira mais elaboradas, principalmente sob o ponto de vista estrutural.

Igreja de Santa Rita de Cássia em Búzios, cuja fachada pode lembrar igrejas do século 16 e 17. A fachada possui uma torre lateral e um "copiar" ou espécie de alpendre à frente

Acima a Igreja de Santa Rita com a Capela de Maria Desatadora de Nós vista do lado direito, no pátio frontal.

Histórico da Paróquia

Como um todo a Igreja apresenta um conjunto harmonioso e agradável, em ressonância também harmoniosa com o estilo de arquitetura e construção de Búzios, ou melhor, dizendo, que vem sendo adotado na Cidade de Búzios.

A Igreja de Santa Rita tem como vizinha em seu pátio frontal, a Capela da Nossa Senhora Desatadora de Nós, que foi erguida em 2001.

Endereço

A igreja localiza-se na Av. José Bento Ribeiro Dantas, 3.333 em Geribá. Alguns chamam o local de Manguinhos, mas o certo é que, ela situa-se na parte da Búzios que fica entre as praias de Manguinhos e Geribá.

Igreja de Sant’Anna

A Igreja de Sant’Anna ou Santana é um templo católico histórico localizado numa elevação entre a Praia dos Ossos e a Praia da Armação. Do adro da igreja é possível contemplar uma das mais belas vistas da localidade, com paisagem deslumbrante das praias e dos barquinhos de pesca coloridos que habitam a orla. O aceso é feito através da ponta esquerda da Praia dos Ossos e pela ladeira de Sant’Anna.

Entre 1728 e 1768, o povoado de Armação dos Búzios foi um importante entreposto ("armação") de caça às baleias no Brasil colonial. A praia da Armação era o local onde se localizava a armação baleeira propriamente dita (com reservatórios de óleo de baleia, administração, senzala, etc), enquanto que a praia dos Ossos era o local onde o processamento das baleias era iniciado, separando-se a carne dos ossos dos animais. O desenvolvimento da armação foi particularmente impulsado pelo contratador português Brás de Pina, que por volta de 1743 levantou a Capela (ou Igreja) de Santana com pedra e cal e argamassa de óleo de baleia. A Igreja é, atualmente, a única edificação da época dos tempos da pesca da baleia ainda de pé. Segundo se conta, a Igreja foi erguida por Brás de Pina para homenagear a santa, que teria salvado do naufrágio um barco com escravos.

Atrás da capela localiza-se o antigo cemitério dos escravos, que ainda hoje é usado para fins mortuários. O dia da padroeira da cidade, Sant’Anna, é comemorado dia 26 de julho.

As missas são realizadas aos sábados às 20hrs.